18 Outubro, 2018

Núcleos de I&D – Projetos Individuais: Candidaturas Abertas!

Núcleos de I&D – Projetos Individuais tem como objetivo principal o aumento de investimento empresarial em mátéria de I&D. Além disso, apoiando a criação e dinamização de núcleos de I&D nas Pequenas e Médias Empresas, espera ainda conseguir:

– Apoiar projetos que visem o reforço da competitividade das empresas através de atividades de I&D;

– Acelerar a difusão, transferência e utilização de tecnologias, conhecimentos e resultados de I&D no tecido empresarial;

– Contribuir para o posicionamento internacional do tecido empresarial que aposta em I&D;

– Criação e reforço das competências e capacidades internas das empresas em I&D.

Os projetos a apoiar inserem-se na modalidade de “Projetos individuais” inscrita na tipologia “Núcleos de I&D”.

As candidaturas de núcleos de I&D são realizadas por uma empresa PME, visando criar na empresa, de forma sustentada e tendo por base um plano de atividades, competências internas de I&D e de gestão da inovação, através de unidades estruturadas com características de permanência e dedicadas exclusivamente a atividades de I&D.

No âmbito das áreas de investimento para núcleos de I&D, consideram-se elegíveis as seguintes despesas:

a)Despesas com pessoal técnico dedicado à dinamização do Núcleo de I&D, incluindo bolseiros contratados pelo beneficiário com bolsa integralmente suportada por este, com um limite máximo de três novos quadros técnicos que devem ficar dedicados em exclusividade ao projeto, com nível de qualificação igual ou superior a VI (licenciatura), por um período até vinte e quatro meses.

b)Aquisição de serviços a terceiros, incluindo assistência técnica, científica e consultoria necessária à estruturação do núcleo;

c)Aquisição de instrumentos e equipamento científico e técnico, na medida em que forem utilizados no projeto, e durante a execução do mesmo;

d)Aquisição de software específico para o projeto, na medida em que for utilizado no projeto, e durante a execução do mesmo.

e)Adaptação de edifícios e instalações na medida em que forem utilizados no projeto, e durante a execução do mesmo;

f)Despesas com o processo de Certificação do Sistema de Gestão da Investigação, Desenvolvimento e Inovação certificado segundo a NP 4457:2007;

g)Despesas com a intervenção de auditor técnico-científico;

h)Custos indiretos calculados com base em custos simplificados, assentes, por norma, na aplicação da taxa máxima de 25% dos custos elegíveis diretos, com exclusão daqueles que configurem subcontratação e recursos disponibilizados por terceiros.

Fase de Candidaturas: 4 de Outubro de 2018 a 30 de Novembro de 2018

Saber mais

 

Entre em contacto com o nosso especialista aqui, para enquadrar o seu negócio neste sistema de incentivos.

Novidades
Back to top