9 Julho, 2019

SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS – Qualificação

As ações coletivas complementam os sistemas de incentivos, visando potenciar, a montante e a jusante, os resultados, através da criação ou melhoria das condições envolventes, com particular relevo das associadas a fatores imateriais de competitividade de natureza coletiva, que se materializem na disponibilização de bens coletivos ou públicos capazes de induzir efeitos sustentáveis na internacionalização da economia e não passíveis de apropriação privada ou de conferir vantagem a uma empresa individualmente considerada ou a um grupo restrito de empresas.

Desta forma, as ações coletivas devem, cumulativamente, assegurar as seguintes condições:

– Evidenciar uma natureza coletiva, abrangente e não discriminatória que possa responder a riscos e oportunidades comuns de um conjunto alargado de empresas;

– Garantir a ampla publicitação dos seus resultados complementada por ações de demonstração e disseminação;

– Assegurar a disponibilização livre e universal de todos os bens e serviços produzidos, sem benefício particular para qualquer entidade.

O presente concurso tem como objetivo incrementar, ainda que indiretamente, as competências empresariais, facilitar o acesso a informação relevante nos domínios da competitividade e internacionalização das PME e reduzir assimetrias de informação ao nível empresarial, facilitar escolhas estratégicas e estimular o diagnóstico precoce.

Este Aviso visa assim conceder apoios financeiros a projetos que desenvolvam estratégias coletivas que demonstrem o seu contributo para a prossecução dos objetivos acima enunciados e que respondam às seguintes prioridades:

– Orientar as PME, dotando-as de conhecimento, informação e ferramentas, para a transformação empresarial no sentido de acelerar a adoção da Indústria 4.0;

– Fomentar a inclusão das PME na economia digital, sensibilizando os empresários para a importância da presença digital e da incorporação tecnológica nos modelos de negócio, desmaterializando processos com clientes e fornecedores por via da utilização das TIC, em particular no comércio local de proximidade;

– Promover a integração e participação de empresas portuguesas, sobretudo as PME, em clubes de fornecedores nacionais e internacionais, promovendo a associação entre empresas de diversos setores, de forma a potenciar a inovação e a internacionalização das PME;

– Sensibilizar para a importância da literacia financeira nas PME e desenvolver ferramentas para que estas possam tomar decisões informadas e atualizadas;

– Captar, produzir e fomentar o acesso a informação e ferramentas por parte das PME a modelos de financiamento em áreas estratégicas para o seu crescimento sustentado e competitivo, estimulando a partilha e interação com comunidades de stakeholders e, por esta via, reforçando a sua capacidade de acesso a financiamento e ao mercado de capitais;

– Sensibilizar as PME para a promoção e intensificação de atividades inovadoras e qualificadas para a sua progressão na cadeia de valor.

Os efeitos do projeto a apoiar têm de se fazer sentir em pelo menos duas das três regiões objeto de apoio do presente Aviso.

Para saber mais sobre a natureza dos beneficiários, as condições, despesas elegíveis e taxas de financiamento, clique no link abaixo ou fale com o nosso especialista aqui.

Saber mais

 

Fase de Candidaturas

– FASE I:  de 21/06/2019 (início) a 30/09/2019 (fim)

– FASE II: de 01/10/2019 (início) a 30/11/2019 (fim)

– FASE III: de 01/12/2019 (início) a 31/01/2020 (fim)

Novidades
Back to top